O brasileiro tem uma característica especial: habilidade em passar por crises. Elas são tantas, de vários motivos e intensidades que, muitas vezes, uma se sobrepõe a outra e nem sentimos quando uma acaba e outra começa. Isso vale e afeta a vida de todos e de todas as empresas, sem sombra de dúvidas. E caímos sempre no velho dilema “encontra na crise uma oportunidade”, que é uma realidade tão forte na vida da maioria dos brasileiros que, muitas vezes, nem sabemos mais como encontrar essa tal “oportunidade”. Na minha opinião, temos uma coisa importantíssima a fazer: não ficar parado. Não dá para esperar que a solução venha de governos ou do céu. Temos que agir, sempre… Na verdade, não nos sobra outra solução. Temos que superar o desânimo, as incertezas e (como diria meu pai…) “tocar o barco”! Mas dentro deste cenário vão aparecendo pontos cruciais que devemos ter atenção especial, pois eles podem nos indicar um caminho menos dolorido ou uma visão mais aprimorada do futuro que, muitas vezes, absorto em nossos problemas, deixamos de tê-la. Uma delas aparece no estudo sobre as 10 CARREIRAS DO FUTURO, apresentado pelo jornal Estado de São Paulo, em 31 de março deste ano, e se refere ao papel do DESIGN com foco na INOVAÇÃO, ao qual as empresas podem (e devem) recorrer para mudar o cenário de suas empresas. Um designer comprometido pode ajudar e muito nas tomadas de decisões estratégicas da empresa e no desenvolvimento de novos produtos ou aperfeiçoamento dos já existentes. Segundo o estudo, o designer é o profissional que vai ajudar empresas a competirem em um patamar mais elevado e a agregar valor aos seus produtos. A economia brasileira precisa deixar de produzir “commodities“, investindo em inovação e criatividade. O designer alia em suas funções uma visão muito atual da economia criativa e de empreendedorismo, o que confere ao seu trabalho um foco mais amplo do mercado no qual a empresa assistida está localizada. Sair da zona de conforto, mesmo que ela não esteja tão confortável assim, exige esforço. Mas caminhar na direção de um parceiro que vai te ajudar nessa jornada, talvez seja o passo mais fácil e preciso. Por isso, convido vocês a tomar uma atitude para tirar suas empresas desse marasmo. Procure um designer para auxiliá-los no desenvolvimento de seus produtos e se surpreenda! Novas ideias, novos pontos de vista podem ajudar muito nessa jornada. Nós, da Cia. de Desenho, estamos nos aprimorando sempre para isso, e podemos ajudá-lo, com toda certeza. Que tal trocarmos ideia e agendarmos uma conversa mais detalhada? Esse pode ser o primeiro passo… Quem quiser fazer contato comigo, basta mandar uma mensagem para novosprodutos@ciadedesenho.com.br ou ligar para 11.3822.4063. Para lerem o estudo completo é só clicar: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,10-carreiras-do-futuro,1661013 Até breve! silvia abolafio designer coordenadora